Graduação

Estética e Cosmética


Coordenação: Bruno Cesar de Albuquerque Ugoline


Sobre o curso

O curso de Estética e Cosmética forma profissionais responsáveis por promover o bem-estar e preservar a beleza e a saúde dos pacientes. O esteticista está sempre atento às novidades do mundo da beleza. E a cosmética está voltada, principalmente, para o uso dos cosméticos, sua aplicação e análise dos efeitos de cremes/produtos na pele das pessoas.

 
O curso na FASAR

O curso tecnológico em Estética e Cosmética da FASAR busca aliar a necessidade de qualificação e o aprofundamento científico exigidos para os profissionais do ramo, que ainda carecem de formação.

A FaSaR pretende formar profissionais em Estética e Cosmética que valorizem o conhecimento científico, articulado ao domínio sobre os produtos e modernas técnicas de aplicação, sem nunca abdicar da ética e o caráter humano da sua atuação. O aluno graduado estará alinhado às necessidades do mercado e será capaz de trabalhar de forma cooperativa e complementar na promoção da saúde e bem-estar. A instituição visa desenvolver competências no aluno, para que ele seja capaz de identificar problemas regionais e transformar a sociedade no seu contexto, visando à promoção, manutenção e recuperação da saúde facial, corporal e capilar.

Nesse curso, o aluno estuda sobre diversos conteúdos associados à saúde, como Anatomia, Fisiologia e Dermatologia.

Conheça alguns diferenciais do curso de Estética e Cosmética oferecido pela FASAR:
  • A FASAR oferece laboratórios especializados para a prática do curso;
  • O  aluno recebe a graduação em 3 anos, o que permite uma rápida inserção no mercado;
  • O aluno do curso desenvolverá habilidades que o permitirão avaliar pacientes e aplicar técnicas em estética capilar, facial e corporal;
  • Aluno aprenderá os conteúdos de forma convergente, ou seja, interligando conhecimentos de várias disciplinas;
  • Todo o curso é dividido em módulos, nos quais são trabalhadas habilidades gerais e específicas do aluno, ou seja, a cada módulo o aluno já se torna apto a realizar as técnicas em beleza e estética, podendo já atuar no mercado;
  • O aluno conhecerá inovações tecnológicas no campo da estética moderna;
  • Serão oferecidas disciplinas inovadoras e alinhadas à realidade, como a estética voltada à população idosa, nutrição voltada à estética e técnicas voltadas às cirurgias plásticas;
  • O curso estimulará no aluno o perfil empreendedor, para que ele possa criar seu próprio negócio.

O mercado de trabalho

A área de Estética têm apresentado avanços importantes na cosmiatria e nos procedimentos aplicados que exigem profissionais capacitados, atualizados, dotados de habilidades empreendedora e analítica. Além disso, o consumidor está mais exigente e preocupado em buscar profissionais extremamente capacitados, evitando a intervenção realizada por leigos. O profissional da área de estética e cosmética é capaz de desempenhar atividades como aplicação de tecnologias de cosméticos, equipamentos e produtos de uso em estética, personal hair e personal beauty. Outra particularidade dessa profissão é que o local de trabalho é diversificado, pois pode-se atuar em centros especializados em estética, spas, academias, salões de beleza, bem como atuar de forma independente e flexível garantindo mais liberdade na organização e na execução de seu próprio trabalho.

É cada vez mais necessária a formação de esteticistas que sejam capazes de atuarem em equipes multidisciplinares e interagirem harmoniosamente com médicos e demais especialistas como biomédicos, farmacêuticos, fisioterapeutas, nutricionistas e segmentos afins.

Segundo levantamento anual da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC, 2018), quando comparado a nível mundial, o Brasil figurou entre os maiores países no consumo de produtos cosméticos e de higiene, com a quarta colocação. Também foi o segundo colocado no consumo de desodorantes, perfumes, produtos masculinos e protetores solares e terceiro lugar em consumo de produtos infantis e capilares (ABIHPEC, 2018). No contexto da América Latina, o Brasil constitui quase que 50% de todo o mercado do setor. Segundo dados do IBOPE (2017), a indústria cosmética é a que mais investe em comunicação e a segunda maior investidora em inovação.

 
NDE - Núcleo Docente Estruturante

O Núcleo Docente Estruturante - NDE - é composto pelo coordenador e por docentes do curso de Fisioterapia. O objetivo principal do NDE é auxiliar o Colegiado do Curso de Estética e Cosmética na consolidação do Projeto Pedagógico de Curso de acordo com a legislação vigente. O NDE está constituído por docentes de elevada formação e titulação, contratados em tempo integral e parcial, que trabalham a organização didático-pedagógica do Curso: construção e acompanhamento do projeto pedagógico do curso; acompanhamento dos resultados no ensino-aprendizagem do projeto pedagógico; revisão das ementas e conteúdos programáticos; indicação de cursos a serem ofertados em nível de atividade complementar como forma de nivelar o aluno ingressante ou reforçar o aprendizado; propor ações em prol de melhores resultados no ENADE; criação, implantação e manutenção dos grupos de trabalho e pesquisa; criação e implantação de projetos de extensão e de atividades interdisciplinares; e atendimento aos discentes.
 
Colegiado de curso

A coordenação didática do Curso de Estética e Cosmética está a cargo do Colegiado do Curso, constituído pelos docentes que ministram disciplinas do currículo do curso, pelo Coordenador do Curso e por um representante do Corpo Discente.

Atividades complementares

As atividades complementares são concebidas para propiciar aos alunos a oportunidade de realizar, em prolongamento às demais atividades do currículo, uma parte de sua trajetória de forma autônoma e particular, com conteúdos diversos que lhe permitam enriquecer o conhecimento propiciado pelo curso de graduação.
Algumas atividades realizadas pelos alunos do curso de Estética e Cosmética da FASAR:
  • Participação em congressos, eventos e seminários;
  • Visitas técnicas;
  • Monitorias;
  • Projetos desenvolvidos juntamente com a comunidade.